Páginas

sábado, 8 de outubro de 2011

Pressentimento...





Como se meu coração já viesse me avisando durante a semana, ou  eu mesma já vinha percebendo algumas atitudes estranhas, diferentes do que eu estava acostumada, e por isso colocava em dúvida meus sentimentos por ele... Ontem veio a confirmação daquela dor sem motivo que eu vinha sentindo. 


Por telefone e em meio a choros, meu amor me confessa que recaiu, que não consegue explicar como aconteceu. Eu também não quero ficar buscando explicações, afinal, não tem. Todos os pilares dele estavam em ordem família, religião, medicação, o grupo, o amor... então... será que falta força de vontade dele? não sei e nem quero saber. Estou serena.


Não sei ainda o que fazer. Disse a ele que pensaria. Mas antes mesmo da confirmação da recaída eu já estava disposta a terminar. Cada vez mais confirmo que nós codependentes, ou melhor eu, sou louca e doente (rs), pois parecia muito fácil terminar quando tudo estava bem, e agora que ele está mal, fico com pena, que raiva de mim.


Eu sei que eu amo ele, amo muito e estou sofrendo. Estou sofrendo por ver quem eu amo se matar aos poucos, e sofrendo porque ele não consegue se livrar desse vício, sofrendo porque se ele não se livrar disso logo, isso vai se arrastar por toda a eternidade, e segundo as minhas crenças, vai sofrer de novo e de novo, em outras vidas. Sofrendo porque ele sofre. E ninguém merece esse sofrimento todo. Mas, não há nada que eu possa fazer. 


Ele tem tudo o que sempre sonhei em um homem, meu número sabe, mas nada é perfeito não é. Amo ele, mas não amo o que ele faz. Amo ele, mas não consigo conviver com a droga. Amo ele, mas amo muito mais a mim. Amo ele, e por amar tanto, acho melhor soltar. Vai ser muito difícil viver sem ele, mas ninguém nunca morreu disso não é, e o tempo passa e coloca as coisas no lugar. Não sou a primeira e nem a última mulher no mundo que vai ter que renunciar um amor, pois só assim poderá se ajudar e ajudar seu amor. 


Me permito chorar só por hoje. Mas está muito claro pra mim que já cansei dessa relação adicto x codependente. Isso cansa. Quero uma vida mais tranquila. Quero outra vida pra mim. Quero ser feliz, só por hoje.


Bob Marley , foi o cara para descrever o que sinto nesse momento :)


"Dificil não é lutar por aquilo que se quer, e sim desistir daquilo que se mais ama.
Eu desisti. Mas não pense que foi por não ter coragem de lutar, e sim por não ter mais condições de sofrer."



"Os ventos que as vezes tiram
algo que amamos, são os
mesmos que trazem algo que
aprendemos a amar...
Por isso não devemos chorar
pelo que nos foi tirado e sim,
aprender a amar o que nos foi
dado.Pois tudo aquilo que é
realmente nosso, nunca se vai
para sempre.."


Para alguém imerso no sofrimento e na angústia, é quase impossível por si só conseguir esperança ou motivação para seguir em frente. O Buda Nitiren Daishonin percebeu que as pessoas podem transformar a vida caso tenham o poder de fazer algo positivo a partir do negativo. Em outras palavras, é transformar o veneno em remédio e fazer com que os desejos mundanos conduzam à iluminação.


A recitação do Nam-myoho-rengue-kyo, aliada a uma postura mental correta, faz toda e qualquer circunstância negativa ser transformada imediatamente em positiva. Neste caso, a alegria nasce em meio à realidade em que se vive, aqui e agora. Tudo passa a ser motivo de alegria: esse é o benefício da iluminação.


Com a prática da recitação do Daimoku, conseguimos remover a covardia, a negligência e a arrogância de nosso coração. Conseguimos avançar com uma coragem invencível — o tipo de coragem que se recusa a ser derrotada por algum obstáculo — ou que arde com fervor ainda mais forte quanto maiores forem as dificuldades que enfrentarmos.


“O maravilhoso da fé no Budismo Nitiren é a sua capacidade de transformar o maior sofrimento da vida de uma pessoa na sua maior felicidade, e de tornar os problemas mais difíceis em fontes de crescimento e em uma base para a grandiosidade humana.” (Juventude — Sonhos e Esperanças, vol. 2, pág. 132.)


Eu estou bem, eu estou serena, eu estou confiante que serei feliz. fiquem tranquilos. Não tem aquele ditado que Deus fecha uma porta, mas abre uma janela?
Amo todos vocês, obrigado pela força e energia que me mandam!
Estamos juntos, sempre....


Gaby 

14 comentários:

  1. Nossa Gaby, que péssima noticia, nessas horas agente aqui de fora mal sabe oque dizer...
    Mas sabe nós temos um pressentimento forte eu sempre tive, mas nunca podia fazer nada, depois ainda me sentia culpada tipo; porque não fiz isso ou aquilo, porque não conversei sei lá.. mas te garanto por anos de experiencia Gaby, não temos culpa e nada podemos fazer nessa hora que a vontade deles bate, é foda, minha sensação sempre foi de indignação, porque? para que; oque houve? que raiva, que droga!!!
    Sabe Gaby viver com caras assim não é fácil, e vc sabe e sente o mesmo que eu, eles parecem ser nossas almas gemeas, é inacreditável como é bom viver com esses loucos, porque são uns loucos Gaby, os mauricinhos, trabalhadores e normais nunca nos passaram tanto amor tanto desejo e tamanha vontade de estar perto todo tempo... pra mim viver e gostar de um DQ ainda é algo inexplicável.
    No meu caso queria sabe, me livrar desse sentimento que tenho pelo meu marido mesmo ele estando de pé, mas não consigo...
    Mas te digo uma coisa Gaby, pense somente em vc que é jovem e tem um lindo caminho pela frente, nós mulheres somos especiais e únicas para eles porém devemos ser especiais e únicas para nós mesmas que vivemos limpas e serenas...
    Amiga pense com a razão e não com o coração peça direção a Deus ele vai te ajudar garanto..
    neste momento estou muito triste por vc choro daqui cara Gaby... bjos e força seja para qualquer direção que tomar bjos

    ResponderExcluir
  2. Sabe, eu ja passei por isso também e só quero te deixar uma coisa: se amanha você quiser tentar mais uma vez, vamos continuar te apoiando!

    ResponderExcluir
  3. Jaque,
    "os mauricinhos, trabalhadores e normais nunca nos passaram tanto amor tanto desejo e tamanha vontade de estar perto todo tempo... pra mim viver e gostar de um DQ ainda é algo inexplicável."
    Resumiu tudo o que penso...mas preciso mudar esse padrão, será que serei feliz da mesma forma que sou quando estou com meu amor? não sei...Mas sei que estou fazendo isso por ele, e pra ele...e se um dia for para ficarmos juntos, que assim seja, se não... foi lindo, intenso e maravilhosos enquanto durou... Obrigada pelas palavras amiga!! Tamo junto!
    ______________________
    Ana,
    Obrigada querida, muito obrigada...
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Gaby,

    É triste porém é uma possibilidade a recaída, eu nunca descartei que um dia ele pode recair mas sempre pensei que se isso voltar a acontecer a minha atitude será seguir o meu caminho sem ele...o amor não precisar machucar,ele não causa tanto sofrimento,não traz tantas decepções...se decidir ser melhor pra vc guardar o sentimento adormecido para conseguir ser feliz faça,mas se preferir dar mais uma chance é uma escolha sua. Talvez em algum momento da vida lá na frente vc enxergue as coisas de uma forma melhor...Força e não esqueça de ser feliz e cuidar de vc...vc já fez td que estava a seu alcance.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  5. Amor Amore!!! Tamu junto até de baixo d´água!rs

    A recuperação, assim como a vida é feita de fases, mudanças e reviravoltas.... Recaídas?

    No programa ouvimos:
    "A recaída faz parte da doença, mas não da recuperação"
    Você diz:
    "Todos os pilares dele estavam em ordem família, religião, medicação, o grupo, o amor... então... será que falta força de vontade dele?"
    Alguns companheiros dizem:
    "Ficar limpo não requer somente força de vontade, mas renovação da força... Porque qdo temos apenas força de vontade, sem constante renovação, uma hora a força acaba e daí fica somente a vontade!"

    Eles tem recaídas de comportamento antes mesmo de usar, como nós temos recaídas de comportamento também antes mesmo de "surtar". Ontem mesmo eu estava partilhando a minha necessidade de ir a uma reunião... Ainda não aconteceu nada, tudo está bem... mas ando sentindo "algo esquisito", e daí é hora pra correr pra sala e renovar minha força, experiência e esperança.

    Gaby, te amo muito e me identifico demais com a sua recuperação, com a garra que vc tem ficar bem, em ser feliz. Melhor seria claro que as pessoas que a gente ama decidissem ser felizes conosco, mas as vezes, como vc disse é preciso soltar, ou então corremos o risco de sermos sugados tb.
    Continue postando, por favor, nem que esse blog tenha que mudar de nome!kkkkkk
    Te amo incondicionalmente e continuo torcendo muito por vcs... juntos ou não... torço para que sejam felizes....

    ResponderExcluir
  6. Celli,
    Eu to bem sabe... to pensando muito em mim... nada é por acaso e aconteceu era pra ser assim
    ou pra ele mudar de vez e levar a serio a recuperação ou pra eu soltar mesmo e me preparar pra algo novo. O tempo vai mostrar, vou ficar na minha e continuar orando pela felicidade dele
    o q for pra ser será!!
    E eu estou de braços abertos para o q for que a vida me reserve, sem medo...

    ___________________
    Cicie,
    Querida minha, obrigada pelas palavras, sempre tão coerentes e sensatas :)
    Como eu disse eu to bem! To me surpreendendo comigo mesma! O Budismo me ensinou a ser feliz independente de qualquer coisa. Te amo muito também gata, to fluindo com a vida. Fazendo a minha parte, plantando as minhas sementes, colhendo as flores que já plantei, e os espinhos que restam, quem quiser que venha comigo, quem não quiser, não adianta eu querer, não vou deixar de seguir em frente.
    Não é fácil, mas não é difícil,o choro faz parte, saudade, medo, incerteza, tudo faz parte, mas carrego só uma certeza a de que serei feliz independente!!!!
    Beijos minha gata, amiga, irmã querida!!!!

    ResponderExcluir
  7. Gaby te admiro, pq tomar essa decisão não é fácil, mas estou feliz pois vc está olhando pra vc, cuidando de vc primeiro, se isso não está te fazendo bem, então seja feliz, com ele ou sem ele, e não sinta pena nem raiva, tudo vai se ajeitar vc vai ver :D
    Força amigaaa
    TE AMOO MUITO TA
    precisando é só chamar ;)
    Beeijãoo

    ResponderExcluir
  8. Minha irmãnzinha.....TAMUJUNTU, visse?
    Olha...tudo passa, minha irmã!
    Tudo....tudo passa1
    Essa dor, um dia vai passar! Esse momento, vai passar! Essa situação que estás vivendo, vai passar!
    Até mesmo as circunstâncias que ele proporciona ou justifica para usar, irão passar!
    Por isso, amiga, relaxa!
    Continua fazendo a sua parte....independente de ser sozinha ou junto dele. Não me permito opniar sobre isso, mas posso afirmar que lamento bastante, bastante mesmo, ler estas suas palavras hoje, trazendo estas informações.
    Mas é como eu disse: isso vai passar!
    Você vai superar tudo isso....e acredito que ele também vai superar.
    Eu sou uma pessoa que nunca acho que os problemas não têem solução, pois quando todos julgavam que eu não tinha mais solução, o MILAGRE aconteceu.
    Portanto, amiga, continue na Fé. Paciência. Tolerância. Aceitação. Serenidade. Acredite que vai dar tudo certo. Confie em DEUS, na forma como O concebes, e verás como ELE opera MILAGRES.
    Apesar dos pesares, hoje o tempo corre a nosso favor. Afinal, trabalhamos o sugerido programa "SÓ POR HOJE", que realmente FUNCIONA!
    Abração, amiga!
    TAMUJUNTU, visse?

    ResponderExcluir
  9. ai amiga.... sinta-se abraçada... todo fim é triste né ?? dá aquele vazio na alma, mas vc sabe que passa.

    minha opinião eu te dei pelo msn,...e mantenho....

    Nunca sabemos o amanhã;
    lendo seu post eu lembrei de qdo abdiquei do meu amor... foi triste... sofri por anossss!

    ResponderExcluir
  10. Gabyzinha minha anja de luz...
    Antes de mais nada, se permita sentir o que tiver sentido, se é vontade de ficar sozinha, fique, se é a de continuar ao lado dele, continue, mas, não vá contra você mesmo. Sabemos o quão difícil é recuperação de um D.Q e sabemos o quão difícil para nós codependentes tb é, afinal, adoecemos junto com eles e também precisamos de tempo para nos recuperar.
    Sabe, eu descobri que até para desistir é preciso ter coragem e desistir do meu ex dependente em nome de mim mesmo, foi o ato mais corajoso que fiz, não vou dizer que foi fácil, vc sabe que não, vc acompanha meu blog e v~e o quanto isso tudo mexeu e ainda mexe comigo, mesmo oito anos depois, mas, eu aprendi a conviver com isso, não me arrependo de nada, fiz o que tinha que ser feito e hoje espero que o universo mostre o caminho certo para ele.
    Tb acredito em "leis" como você, infelizmente, sei que se ele não se recuperar, voltará de novo e de novo e o sofrimento não acabará, mas, o caminho é dele, não posso fazer nada...
    Você trilhou com ele até onde tinha que trilhar minha flor, jamais se culpe por nada, jamais!!!
    Amo você, apenas reflita sobre o que quer apra você nesse momento...
    Conte comigo!!!

    ResponderExcluir
  11. Florzinha, estamos juntas! Independente do caminho que você escolha, receba o meu carinho e apoio.
    Nunca se esqueça que você merece a felicidade e uma vida de verdade!
    Te amo, Gaby.
    Beijo no coração.

    ResponderExcluir
  12. Jé,
    Tamo junto amiga!! obrigada por tudo, pelo apoio sempre, por amadurecer tão rápido e me orientar muitas vezes, te amo! :D
    ___________________
    Adicto,
    Irmãozinho você é o cara viu? suas palavras me enchem o coração, seu exemplo de vida, sua ligação com seu pai, acalentam minha alma...parabéns por tudo!
    Obrigada pelo apoio constante! tamo juntão, sempre!
    ____________________
    Adri,
    É amiga, é triste, mas tem vezes que é o único caminho, não posso viver a vida por ele, nem que ele faça o que eu acho certo, por mais que eu no auge da minha codependencia queira isso. Eu quero o melhor por ele, mas se ele não quer? não posso abrir a cabeça dele né? posso orar e só, quem sabe não tenhamos outra chance, em outro momento, outra situação ou até mesmo, quem sabe em outro plano?
    Força amiga, tamo junto!
    __________________________
    Giullizinha!!
    Penso muito em voce ao tomar minha decisões viu? Me identifico muito com voce...Fico triste pela questão do sofrimento, do sofrimento prolongado, da oportunidade que ele tem de se livrar disso, mas fecha os olhos... Mas não há nada que eu possa fazer, tudo o que eu podia eu já fiz, a semente esta plantada...agora é com ele...
    Te amo muito amiga!
    ______________________
    Poly,
    Você disse tudo amiga!
    Eu quero uma vida de verdade...Eu tive uma vida linda com ele, sério os momentos bons superavam os maus, sim...fiz tudo, mesmo, me joguei na recuperação dele, com minha alma e coração. Saio com a certeza que fiz tudo o que podia, e sem culpas, mágoas, rancor. Mas com amor sereno.
    Amo você e os pimpolhos!!!
    ;***

    ResponderExcluir
  13. Diante do acontecido...

    doença 1 x 0 Budismo

    Lugar de adicto é sala de N.A
    não foi por falta de aviso.

    desejo melhoras sempre

    ResponderExcluir
  14. Ah minha amiguinha querida!!!! Eu tinha tanto medo de ler isso no seu blog.
    Fiquei tantos dias sem te visitar, e agora isso.
    Eu curti tanto sua alegria num momento tão difícil da minha vida.
    Só quero que você faça o QUE FOR MELHOR PARA VOCE!

    Nossos blogs, não são nem nunca vão ser uma competição de quem é mais MÁRTIR, mais devota, de quem aguenta mais, de quem é mais parceira, mais companheira do DQ.

    São blogs para contar das nossas dores e alegrias.
    Não li o restante, ainda não sei que caminho você seguiu, mas estou aqui, pedindo ao Ser Superior, que voce tenha feito o melhor para voce.

    Tamo junto lindona! Sempre!

    ResponderExcluir