Páginas

sexta-feira, 27 de janeiro de 2012

Só por hoje, não vou tomar minha dose de você....

♫ ♪ ...Só por hoje não vou tomar minha dose de você... ♪ ♫ (Pitty)
E essa abstinência uma hora vai passar....


Bom dia amores, tudo bem com vocês? Eu to bem, só por hoje!

Gostaria de falar de várias coisas, hehe, tenho tantos assuntos para tratar no blog, coisas que vou descobrindo em mim, mas vamos por partes néam...se não me perco, e isso é muito fácil (rs)

Bom, hoje passei a manhã tentando mudar o visual do Blog, já estava enjoando daquele modelo antigo, estou fazendo testes, então não se surpreendam se ele ficar com uma carinha diferente toda vez que entrarem aqui (rs), prometo que logo paro com a bagunça ;)

Com relação ao “amor”, fiz o que meu I- Ching mandou e fiquei bem quietinha no meu canto, aguardando as cenas do próximo capítulo, e elas não demoram a acontecer .

Na Quarta – feira, o Caio queria vir pra cá me ver, e eu óbvio doente que sou, queria ficar com o “amor”, liguei, liguei, liguei, liguei no celular dele, e nada dele atender.  Confirmei então com o Caio e deixei que ele viesse. Quando o Caio já estava aqui, vi que tinham duas ligações do “amor” no meu celular, tentei retornar mas... rá! O celular já estava desligado.

Nós estávamos nos falando todos os dias, então já sabem o que houve né?

Mandei uma mensagem pra mãe dele, dizendo que eu já imaginava o que tinha acontecido, e que eles por favor me falassem a verdade ( porque ela tem uma mania de acobertar o “amor”).

Até agora estou sem noticias.

Bom, gente... dessa vez desisti de verdade do “amor”. Vocês estão vendo o quanto eu ainda insisti, mas infelizmente vejo que ele está muito longe do fundo do poço dele, e a família erra de mais.  Deixando ele tomar conta de tudo, escolher quando e onde quer se tratar, cedendo as chantagens dele, dando dinheiro, carro, e repondo tudo o que ele queima.

E eu também estava errando, perdoando sempre, estando sempre ali disponível.

Não quero mais isso, não quero perder uma pessoa legal e especial como o Caio. Que parece gostar muito de mim. Me respeita em tudo, está me esperando, me compreende, e tem uma paciência de Jó comigo.

Por mais que eu ame o “amor”, e seja viciada nele, isso não é nada saudável. Nós não temos uma relação normal, não existe nenhuma relação entre agente, só ilusão, espera  e expectativa de um dia ter um relacionamento de verdade.

São míseros momentos de prazer que tenho com o “amor” , e eles não são constantes, pois não duram nem 1 mês de paz.  Vale a pena viver uma vida de sofrimento em troca de alguns momentos felizes?  Não. Não quero mais isso.

Na verdade eu e o “amor” , somos iguais. Ele na sua compulsão por drogas, e eu na minha compulsão por ele. Como posso cobrar uma atitude dele, se eu não tenho a minha.

“Como atraímos o que nos é semelhante e o que temos dentro de nós, a pessoa que está conosco funciona como um espelho, refletindo tudo aquilo que temos de bom e de ruim. Por isso que, sem percebermos, não abandonamos o outro com facilidade, pois isso seria o mesmo que simplesmente desistirmos de nós mesmos.”  Vanessa Mazza

Bom, gente é isso, que Deus me dê forças, porque vou ter que ser muito forte á partir de agora, forte para resistir às chantagens emocionais, ao choro, a pena... Forte para deixar de vez esse compulsão.

Porque isso não é normal, me faz mal.

Vejam só essas frases:

"se esta pessoa sofre, por que permanece no relacionamento?". Ou ainda: "se o outro é tão ruim, por que esta pessoa perde tempo em acusá-lo e simplesmente não resolve a situação se separando?".
Por que? Por que? Isso não é normal, não pode ser normal. Não ter forças de tomar uma atitude não pode ser normal. Sofrer e sofrer e sofrer e insistir, não, não quero mais isso pra mim.
Momento desabafo (rs).

É isso, entendam que vou entrar em um período dificil e poderei ter algumas crises de abstinência, mas espero contar com apoio e a força de vocês. 

“Só por hoje, não vou tomar minha dose de você”

Beijooooosss e lembrem-se... Sejam Felizes!

Deixo uma música bem CODE para reflexão ;)

Na Sua Estante
Pitty

Te vejo errando e isso não é pecado,
Exceto quando faz outra pessoa sangrar
Te vejo sonhando e isso dá medo
Perdido num mundo que não dá pra entrar
Você está saindo da minha vida
E parece que vai demorar
Se não souber voltar ao menos mande notícias
Cê acha que eu sou louca
Mas tudo vai se encaixar

Tô aproveitando cada segundo
Antes que isso aqui vire uma tragédia

E não adianta nem me procurar
Em outros timbres, outros risos
Eu estava aqui o tempo todo
Só você não viu

Você tá sempre indo e vindo, tudo bem
Dessa vez eu já vesti minha armadura
E mesmo que nada funcione
Eu estarei de pé, de queixo erguido
Depois você me vê vermelha e acha graça
Mas eu não ficaria bem na sua estante

Tô aproveitando cada segundo
Antes que isso aqui vire uma tragédia

Só por hoje não quero mais te ver
Só por hoje não vou tomar minha dose de você
Cansei de chorar feridas que não se fecham, não se
curam (não)
E essa abstinência uma hora vai passar...



16 comentários:

  1. Sabe q minha vida com meu amor sempre foi assim,igual a tua...eu insisti,insisti tanto q um dia deu "certo",agora estamos aqui depois de muito sofrimento(ele acabou de chegar de sua 5º internação)e ainda tenho dúvidas se vai dar certo dessa vez...É claro q os momentos de felicidade foram em maior número,mas os momentos tristes foram infinitamente mais intensos e não sei se os números compensam...
    Amo meu amor com toda a minha força,as vezes penso q é amor demais,cada vez q olho pra ele me apaixono mais...parece bom,né?!
    Hoje temos dois filhos lindos,uma família,mas se eu pudesse voltar no tempo não sei se escolheria passar por tudo de novo...
    Por isso,Gabi,acredito q esteja fazendo a coisa certa,abrindo mão de um grande amor por uma vida mais saudável,mais "normal".
    Seja feliz,ainda q só por hoje,sem o teu "amor"!
    Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mônica querida, admiro sua força, admiro muito de coração. E fico na torcida pela sua felicidade!
      E assim... não estou abrindo mão sabe, ele que abriu a minha mão, e quis sair dela...escolhas né...
      Um beijo e felicidades sempre :)

      Excluir
  2. Oie lindona, estou tão orgulhosa de vc. Nós duas sabemos mto o q é abrir mão de um "grande amor", afinal, estamos vivendo as mesmas coisas neh. Amiga, como já te disse inúmeras vezes, fique firme e seja forte na sua decisão, por mais q o ame hj infelizmente nossas relações não são saudáveis, ficamos doentes por conta disso e tanto qnto nossos amores precisamos nos cuidar, para q somente depois conseguirmos nos entregar p essa ou qualquer outra relação. N se sinta culpada, por estar abandonando ele ou por n ter mais coragem de de lutar por esse amor, mais pense q n tem mais condições de sofrer. Lembre-se q a pessoa mais importante da sua vida é VC, se ame incondicionalmente e jamais permita q alguém te faça sofrer.

    Tamu junto sempre.

    Te amo mto viu amiga, por mais dificil q seja abandone esse vicio antes q ele acabe com vc ainda mais.

    Estou firme e forte tbm na minha decisão, amo meu amor mtooooo, mais amo primeiro a mim msm.


    Mil bjos!!!

    ResponderExcluir
  3. Aline minha amada, o que seria de mim sem você heim? Me espelho em você sempre, sua força, determinação, enfim...
    Tudo vai dar certo no final, confia nisso. Pra mim, pra você... pra gente.
    Te amo muito viu, obrigada pela amizade. Você é muito importante em tudo o que esta acontecendo comigo,
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Ai Gaby faz sentido isso tudo que você disse viu. Realmente não é saudável estar em um relacionamento de sofrimento... é tão ruim parece que a qualquer momento ele vai desaparecer... nãã assim é tão ruim...
    Eu não sei, mas o que voce esta sentindo parece dependência emocional. Não sei se estou certa, mas parece. No livro Co dependência Nunca mais, fala sobre esse assunto, dependência emocional... eu acho que é o capitulo nove. Não sei olha lá. Acho que você já leu sobre esse assunto neste livro.
    Olha, mas o importante é que você esta consciente de tudo que esta se passando com você e com ele. Isso é o que importa viu, imagine se você estivesse com a co dependência nesta situação... ai quero nem imaginar. Que bom, que você esta se levantando aos poucos. É isso ai amore!! Força, Força!! Vai dá tudo certo viu!
    Estou aqui, qualquer coisa é só me chamar..
    Bjus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, P, eu sou uma dependente emocional, ou uma codependente né, sofro meus autos e baixos, mas estou em busca da minha recuperação.
      Obrigada pela força amada! Tamo junto!!! Assim fica mais fácil... beijos...

      Excluir
  5. Gabyzinha, nem sei o que te dizer, a não ser que ESTAMOS JUNTAS! No início dói mesmo, afinal temos fissura e compulsão pela nossa "droga", não é mesmo? Mas, Deus é tão bom que colocou um cara legal no seu caminho pra te ajudar. Força, querida! Só por hoje...
    Um grande beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai Polly graças a Deus meu fardo não está tão pesado quanto eu imaginava... O PS realmente é muito bom comigo, e está me ajudando nessa... vai passar.... Um beijo

      Excluir
  6. Ai gaby eu me enganei aqui... É verdade, Dependencia emocional é a mesma coisa que co dependencia. Oxi onde eu estava com a cabeça? kkkkkk....
    Força amiga! Tamujunta!
    Bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkk eu tbm nem sei muito desses termos técnicos...rrs beijooo amada

      Excluir
  7. Assim como uma pequena planta deve enfrentar muitos obstáculos antes de se transformar numa árvore, nós tbm enfrentamos muitas dificuldades no caminho para a felicidade.
    E lembre-se: O inverno nunca tarda em se tornar primavera.

    abs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza!!!
      Sr. Miagui rsrs
      Obrigada pelas palavras, tão bom reafirmá-las no coração, todos os dias!

      Excluir
  8. Ai Gabyzinha, sei que seu coração ainda bate pelo amor, mas, se tiver que ser, será, certo? Faça a sua parte, siga seus sentimentos, faça com consciência, isso é que garantirá que não haverá arrependimentos no futuro. Acompanho seu blogue desde o começo e sei o quanto você lutou para que seu amor ficasse bem, tenho uma vaga noção do quanto suportou, seja feliz GAby, somente isso...
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você sabe né Giu? Você mais do que ninguém, tão bom suas palavras de incentivo...beijos

      Excluir
  9. Oi Lindona!!!
    Sei muito bem o que e esse vicio, sou uma codependente em recuperação, faça o que e o melhor para você, seja firme nas suas decisões, você e muito nova e tem o direito de ser feliz essa vida com "amor" da forma que ele ainda não decidiu se recuperar realmente não vai te levar a lugar nenhum só mais sofrimento, vivi 6 anos assim, só estou vivendo agora porque o meu esposo a 1 ano e 2 meses limpo só por hoje, decidiu se recuperar com ajudar do N.A, porque sozinho eles não conseguem, e vc mais do que ninguém sabe que terá que procurar um grupo de ajudar par poder larga desse seu vicio te indico o AMOR EXIGENTE, tem me ajudado muito, não me leve a mal pelas palavras ditas, mais quero muito o seu bem.
    Força, fé e alegria sempre.
    24 horas de serenidade para nós.
    mil bjs

    ResponderExcluir
  10. É o caso do "amor" é muito complicado, é um conjunto de erros sabe? E eu sozinha brigando igual uma louca não dá certo...
    To tentando buscar a minha felicidade, só por hoje!
    Beijoss no coração

    ResponderExcluir