Páginas

terça-feira, 12 de junho de 2012

"Happy Valentine's Day!!!"



Bom dia, queridos.

Todos os dias, acordo ás 4:15hs da manhã para ir trabalhar. Pego o fretado ás 5hs, pois moro em uma cidade e trabalho em outra. Quando já estava no ônibus, me veio algumas lembranças na mente. Achei estranho, mais infelizmente existem coisas que não podemos evitar. Existem lembranças que por mais que eu queira, não consigo apagar da memória.
Pra mim, hoje é um dia como outro qualquer, porém não tem como não lembrar do meu último dia dos namorados ao lado do Davi no ano passado.
Estávamos juntos há 3 meses, no auge de todo aquele amor. Eu morava na cidade em que trabalho hoje e ele na cidade onde moramos. Me lembro que no dia 12 mesmo não poderíamos nos ver, pois ele teria reuniões no NA e por isso, nos encontramos outro dia. Ele estava em tratamento por conta da sua DQ e eu fui passar o dia com ele. Era um domingo frio e chuvoso, sai de casa ás 8hs da manhã para chegar o mais rápido possivel, queria estar com ele e aproveitar cada minuto daquele dia que pra mim era tão especial e importante.
Comprei presentes, um coração enorme escrito "Eu te amo um tantão assim" e um tênis, que infelizmente acabei comprando errado, não era o que ele queria. Lembro que ele me disse apenas que não era o que ele queria, mais que ele tinha adorado. Era um tênis de marca, caro. Fiquei chateada por ter comprado errado, mais feliz, porque o que valia naquele momento era a intenção. Escrevi uma carta de 4 páginas, adoro escrever. Era a primeira carta que escrevia pra ele, então tinha que ser super especial. Era isso que eu pensava, lembro que escrevi o quanto eu o amava, o quanto agradecia a Deus todos os dias por ter me dado ele de presente, que minha vida antes dele não fazia sentido e coisas do tipo eu não vivo sem você...
Como ele não trabalhava, não tinha condições de comprar nenhum presente pra mim. A mãe dele que bancava o tratamento e a moradia. Nunca me importei com coisas materiais, não queria um presente caro, não queria nada além de estar ali com ele. Fiquei triste, pois aquele dia significava muito pra mim e ele não se importou com nada.
Passamos o dia em um local tranquilo, entreguei os presentes e a carta. Ele pediu para eu ler pra ele, li todas aquelas palavras que eu mesma havia escrito com muita emoção e no fim ele simplesmente agradeceu e esqueceu a carta aonde estávamos. Não deu a menor importância, não se preocupou com o que eu sentia naquele momento. Nos dias que passei escrevendo a melhor carta, descrevendo o quanto eu o amava. Ele não pensou em nada disso. Fiquei super chateada, mais não disse nada. Fui embora e quando cheguei em casa, já era noite. Deitei na minha cama e chorei, chorei por sentir que ele não se importava comigo, com nada. Foi a primeira de muitas vezes que chorei pelo mesmo motivo.

Hoje, 1 ano se passou e muita coisa aconteceu. Coisas que já relatei aqui pra vocês. Tive momentos felizes ao lado dele, sim tive muitos e muitas vezes são desses momentos que sinto saudades.
Penso nele todos os dias, sinto falta do Davi que conheci que por mais que fosse desencanado com algumas coisas e algumas vezes grosso esse era o jeito dele, eu era muito sentimental e por isso sofria com algumas atitudes. Mais ele era tudo o que eu queria, era o homem dos meus sonhos, a pessoa que se encaixava perfeitamente a mim. Já disse isso uma vez e repito, fomos feitos um para o outro. Almas gêmeas, coisa de outras vidas, acredito muito nisso e tenho certeza de que ainda vamos ficar juntos. Quem sabe nessa vida, se nosso amadurecimento acontecer, mais se não vamos nos encontrar em outra.

Lembrando desse dia que aconteceu há 1 ano atrás, percebi o quanto eu mudei.
Eu era uma menina ingênua, sensivel, meiga, carinhosa, chorava por qualquer coisa. Acreditava no amor eterno, sonhava com o principe encantado, queria ter filhos e construir uma linda familia.
Quando conheci o Davi, tive a certeza de que todos os meus sonhos iriam se realizar. Desde o primeiro toque nas mãos que tivemos, o primeiro beijo, a primeira noite de amor... Sabia que nada mais me importava, a não ser estar ao lado dele.
È estranho fazer uma auto análise de nós mesmos, mais foi isso que acabei fazendo hoje. Quando me lembro de tudo que passei, das coisas ruins que presenciei, das noites em claro que passei esperando ele chegar, das recaidas que ele teve, das brigas, das humilhações, de quantas lágrimas que derramei e muitas outras coisas.
Aquela menina ingênua que se apaixonava por cada detalhe daquele amor, hoje já não existe mais.
Depois de tudo que vivi ao lado de um adicto, onde tudo se resume em "viver em uma constante montanha russa", não consigo mais ser como era antes, nada mais me comove.
A menina que sonhava com o principe encantado, deu lugar a uma mulher que não acredita mais no amor. Me tornei insencivel, não confio e não acredito em nenhum homem. Tenho medo de me envolver emocionalmente, medo de me magoar. Por isso, muitas vezes acabo parecendo grossa por causa de algumas atitudes, mais essa foi a maneira que encontrei de me proteger, de evitar um sofrimento, uma dor...



Ás vezes observando algumas amigas que namoram ou que quando conhecem alguém ficam empolgadas, acho engraçado e ao mesmo tempo patético. Me lembro que eu também era assim, mais que hoje para um homem conseguir tirar um suspiro meu, ele vai ter que batalhar muito. Sinto medo de não conseguir me apaixonar por ninguém, a paixão é tão gostosa neh.
Mais por outro lado, me sinto tranquila por ter me tornado essa mulher. Uma mulher que não abaixa a cabeça pra mais ninguém, uma mulher que aprendeu que o amor não muda nada e nem ninguém a menos que a pessoa queira, uma mulher que ao invés de chorar diante de uma grosseria, uma dor levanta a cabeça sacode a poeira e encara de frente, uma mulher que aprendeu a ignorar pessoas futeis, uma mulher que ao conhecer um homem sentir cheiro de encrenca corre logo dele e principalmente aprendi a me tornar uma mulher PODEROSA que sabe dizer NÃO. Hoje aprendi que a pessoa mais importante da minha vida SOU EU e por isso, jamais vou deixar babaca algum me magoar.



Escolhi ser feliz assim, ser má se necessário e não me envolver emocionalmente. Não me deixo enganar por palavras e gestos bonitos. Claro que posso sim me apaixonar por alguém, até porque isso é algo que não podemos controlar, mais para que eu me envolva emocionalmente, esse alguém terá que ter muita paciência e provar que realmente gosta de mim, assim como eu sou.

Desejo a todos os apaixonados um FELIZ DIA DOS NAMORADOS, aproveitem bastante.
Façam coisas diferentes, realizem fantasias, preparem surpresas e sejam felizes.

Lembre-se que nada na vida é eterno, que viver o hoje é o mais importante. Por isso, não disperdice esse dia maravilhoso que Deus nos deu. Faça cada segundo valer a pena, faça sua vida valer a pena.






Um grande beijo, Selena =^.^=

6 comentários:

  1. É, amiga!
    Uma postagem e tanta!
    Simplesmente, ótima!
    Muito boa mesmo!
    Valeu!
    Abração e bons momentos....
    ....e TAMUJUNTU.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querido, mto obrigada.
      Foi de coração, sempre.
      Estamos juntos sim =)

      Bjos!!!

      Excluir
  2. Ola Selena...pra variar histórias iguais com personagens diferentes...as vezes tb me sinto má..e até sinto esse retorno de algumas pessoas em alguns comentários de outros blogs, parecendo querer dizer que sou insensível e até no meu q acabei resolvendo entrar nesse mundo virtual e criei um blog...rs...acabei de vir de uma reunião do AE, e fiz essa pergunta, gente será que estou sendo radical demais...perguntei pro dono da clinica hoje, vc acha que estou sendo muito dura...e a resposta veio..não Rachel..vc está no caminho da SUA recuperação...obrigada por dividir sua vida tb..bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Rachel ás vezes penso tbm se estou sendo radical demais e mtas pessoas me julgam e me criticam por isso, mais neste momento sigo apenas minha intuição e mais nd. Que bom que estamos no caminho certo, não é mesmo (rs...).
      Tudo tem seu momento certo para acontecer e cada pessoa tem o seu, quando chegar a hora de voltarmos a ser um pouquinho mais senciveis, acontecerá naturalmente.
      Melhor ser radical e se proteger de certas coisas que acontecem ou aconteceram, do que viver se lamentando, sofrendo ou chorando.

      Obrigada pelo carinho.

      Bjos!!!

      Excluir
  3. Gostaria tanto de ter essa força..

    ResponderExcluir
  4. oi amiga me chamo vns,estou passando por um momento muito dificil pois sou apaixonada por um adicto estamos juntos a pouco tempo nos primeiros dia foi tudo tao gostoso eu me sentia bem por ajuda-lo ele trabalhava de motorista de caminhão e eu sou recepsionista em uma empresa, conversavamos o dia todo por nextel, ele me pedia conselhos me falava oqe estava passando oque ja havia acontecido com ele, me falava q tinha muito medo de ter recaidas tinha dias q eu passava todo tempo conversando com ele q até me atrapalhava na empresa ja tive noites q passei em claro do lado dele ouvindo o medo dele da abstinencia q sentia.Tentei de todos os jeito q pode evitar q ele tivesce a tal recaida estavamos todos os tempo juntos em por cell ou ele na minha casa. ja chorei tanto por ele q até hj pergunto pra Deus qual é o proposito q ele tem na minha vida poq nunca fui assim por muito menos eu languei ex namorados, e com esse estou parecendo uma idiota, tava tudo tao bem até ele compra um carro depois desse carro comecou a me deixar falando so aparece na minha casa no meio de semana diz q vai me levar para sair faz eu me arrumar toda e a idota fica esperando sabe amiga venho sofrendo muito pq gosto muito dele gostaria muito de mudar td isso até agora pelo q sei ele não recaiu, mais não me da um pingo de valor não estou conseguindo almoçar so sei chorar ando triste e cabisbaixa to quase enloquecendo,enquanto ele achou q precisava de mim estava todo tempo com ele agora ja não precisa mais ai me trata assim...gostaria muito de tomar uma atitude na minha vida e larga de mão cuida de mim até mesmo poq tenho minha dificuldades e quando brigamos ou coisa do tipo é nessa dificuldades q me apego faço tudo errado estou quase virano uma adicta não quero isso pra mim se vc poder me ajudar agradeço. estou sofrendo muito. tenha um bom dia o nome dele é EDÚ.

    ResponderExcluir