Páginas

sábado, 24 de novembro de 2012

QUANDO EU ACHO QUE CHEGOU AO FIM, COMEÇA TUDO NOVAMENTE!!!

 

Oi gente, tudo tranquilo com vocês? Espero que estejam em paz. Estou passando por aqui para contar os últimos acontecimentos. Faz tempo que não escrevo nada e nem eu mesma sei explicar o porque, mais acredito que seja porque sempre que escrevo alguma coisa, são coisas tristes e desde que a Gaby "mudou" o perfil do blog e me convidou para escrever, eram para ser coisas alegres, de auto estima, histórias legais ou até mesmo para dar aquele puxão de orelha, rs... Contar minha história vivendo ao lado de um DQ é maravilhoso. Ao acessar o blog da Poly, aprendi o que realmente é um adicto e como agir diante da tão terrivel co-dependência, que consome aquele que faz parte desse turbilhão de emoções. Conheci pessoas maravilhosas, li histórias brilhantes de superação, de coragem, de frustação, de emoção e de amor. Conheci também uma pessoa excepcional que se tornou uma grande amiga, apesar da distância, a Gaby. Não sei nem como agradecer por todas as vezes que ela estava ali ao telefone comigo me ouvindo, me aconselhando, nos momentos mais criticos, ela sempre esteve ao meu lado. Assim como nos momentos alegres, aqueles em que falamos tantas besteiras e demos muitas risadas. Essa amizade vai muito além de uma tela de computador ou telefone. O carinho e amor que construimos nesse "quase" 1 ano, é sem dúvida algo que vai durar por muito tempo. "AMO VOCÊ AMORECA!!!"
Obrigada a todos que sempre estiveram ao meu lado me ajudando, me orientando através de comentários ou e-mail, torço muito por vocês.

Calma!!! Essa não é uma despedida, rs...

Aconteceram algumas coisas nos últimos  dias que fizeram com que minha mente analisasse como estou cuidando de mim, da minha vida e em como será o meu futuro.
Isso fez com que algumas atitudes fossem tomadas e assim, daqui pra frente só quero na minha vida coisas e pessoas que me fazem bem, acima de tudo que me amem de verdade. Aqui com vocês, aprendi realmente a me amar, a dar valor a pessoa que sou e sempre escolher o melhor.
Quando comecei a escrever aqui no blog, estava em uma fase super legal. Me amando, me respeitando, pensando somente em mim. Havia acabado de terminar um relacionamento com um DQ, minha atitudes e palavras eram exatamente o contrário do que estava sendo até agora.
Vou explicar o porquê de tantas mudanças.
Ao escolher reatar meu namoro sabia das consequências, sabia o que me esperava e sabia o tamanho do amor que eu sentia. Quando contei isso á vocês alguns ficaram felizes, outros me criticaram e alguns preferiram não opinar.
Ao voltar com o Davi, percebi muitas mudanças nele, realmente ele era outra pessoa, uma pessoa melhor, era novamente aquele cara pelo qual me apaixonei há 2 anos atrás. E desde o inicio deixei sempre bem claro que estaria ao seu lado se ele realmente estivesse em tratamento, se cuidando e me respeitando acima de tudo. Perdoei o que ele havia me causado, esqueci as mágoas e novamente me entreguei nessa paixão.
O tempo foi passando e olha que nem faz tanto tempo assim, são 4 meses apenas e muitas coisas mudaram.
Quando contei que depois de 7 meses ele havia recaido, era mentira. Não a parte que ele recaiu, mais sim que ele havia ficado 7 meses limpo. Essa semana toda a verdade apareceu, finalmente ele teve um pouquinho de carater e resolveu me contar que nunca ficou esse tempo limpo. Vocês acreditam nisso!!! Fiquei chocada, desapontada, completamente sem chão e com muita raiva. Ele disse que o máximo de tempo que ficou limpo foi 5 meses quando nos conhecemos e logo depois ele recaiu. Nesses 7 meses, ele ficava 1 ou 2 dois meses limpo, depois usava uns 3 dias e assim foi mentindo e enganando todos a sua volta. O pior de tudo é saber que o homem que eu amo, não tem carater. Isso pra mim é falta de carater e não culpa da doença, como ele me disse. Aguém que vai por livre e espontânea vontade á uma sala de NA, onde ninguém irá te julgar ou dar opiniões sobre sua vida, ter coragem de mentir, trocar de fichas a cada tempo limpo, isso é frustrante.
Ficamos 1 mês em total harmonia, nos amando e sendo felizes. Minha única batalha era "convencer" minha familia de que ele havia mudado. Meu pai é distante e não opina em muitas coisas, minha irmã mais velha não fala comigo desde que soube há 3 meses e minha mãe meio que aceitou por mim, pelo que sinto por ele, mais não estava nem um pouco contente com isso.
Depois de um tempo, as brigas voltaram, a falta te respeito e grosseiras já eram caracteristicas dele, o modo como agia e me tratava estava complemente diferente. E eu sem entender como que tudo havia mudado, tentava conversar mais eram alguns dias em paz e muitos brigando. Como mudei minha maneira de agir, em relação de aceitar as imposições dele, batíamos de frente cada dia mais. Aprendi a lidar com suas manipulações e não caia mais nelas. O tempo foi passando, as brigas aumentando, as recaidas eram semanais e minha paciência estava chegando ao fim. Por mais amor que eu sinta por ele, não posso e não quero viver ao lado de alguém que mente, engana, manipula, não tem carater, se faz de vitima, agi sem pensar, não quer ser alguém melhor na vida, não quer trabalhar, vive as custas da mãe, usa a doença como se isso o impedisse de fazer coisas diferentes ou justificasse seus atos. 
No final de semana passado, uma nova recaida. Mentiu pra mim dizendo que eu vejo coisa aonde não existe. Passamos 3 dias na casa da mãe para comemorar o aniversário dele que foi dia 15. No dia 15 ele comprou um bolo e comemorou com o pessoal do grupo, pediu para eu estar lá com ele. Me receberam com carinho. Cada uma daquelas pessoas com uma história de vida, de sofrimento e de dor, mais com o mesmo objetivo, se manter limpo só por hoje. Alguns rostos alegres, outros nem tanto. Alguns com familias, esposas/maridos, sozinhos e outros realmente sozinhos que vivem na rua. Mais estão ali, tentando e batalhando para terem uma vida melhor. Homens e mulheres, jovens, velhos, de todos os tipos. Fiquei feliz em poder estar ali, sempre quis ir. Queria fazer parte dessa parte da vida dele, que nos fazia tão bem. E agora ao saber de que tudo foi uma mentira, que ele tem coragem de chegar lá e mentir, dizendo que estava limpo, me dói e dói demais. No domingo passado, quando voltamos da casa da mãe dele, ele sumiu. Contou uma história, disse que não estava se sentindo bem e foi nesse momento que percebi o que novamente estava acontecendo. Perguntei, mais ele mentiu. A verdade sempre aparece neh, dessa vez não demorou muito e logo dois dias ele contou que estava fazendo de novo. Pediu o dinheiro dele, os cartões, coisas pessoas que estavam comigo. Envolveu minha mãe, que ficou muito brava e magoada comigo. Brigamos e eu pedi um tempo. Agora estamos assim, nos vendo todos os dias somente porque a mãe dele pediu que eu ficasse com o cartão, mais não me envolvo, não quero saber de mais nada. Realmente esse tempo era para fazer nos dois analisarmos, sentirmos saudades e amaduremos mais, parar de brigar. Porém, vejo que nada vai adiantar, hoje já brigamos e sempre por dinheiro. Depois que ele fala as grosserias dele, pede desculpas, mais minha raiva e mágoa só aumentam.
Antes de ir embora, ele perguntou que tinha que fazer parar provar que me ama. E eu disse que precisa crescer, amadurecer, arrumar um emprego, virar homem e isso terá que fazer longe de mim, para ficarmos juntos agora, não quero ver ele mudando, quero ver ele realmente mudado.

Estou triste com tudo isso, confusa, sem saber o que fazer e sem ter certeza de que o que sinto realmente é amor ou dependência. Por enquanto acho que o amo, por mais que sinta isso, sei que essa não é a vida que quero. Tenho meu trabalho, faço faculdade, quero ser alguém melhor na vida, crescer profissionalmente, ser independente e com isso preciso de alguém do meu lado que me acompanhe e não de alguém que além de ficar parado ainda me puxa para o fundo.

Logo mais eu volto com novas postagens de preferência bem alegres.

Apesar dessa situação toda, estou bem e tranquila. 
Quero ser feliz, com ele ou não.
Minha vida está nas mãos de Deus e seja o que Ele quiser.

Tenham um ótimo final de semana.

Bjos, Selena!!!


6 comentários:

  1. Respeite a todos de todo o coração e não se chateie se alguém disser algo que a desagrade.

    Sua tarefa é dar respeito àqueles a quem ninguém dá. Com o poder da verdade você pode se tornar a personificação do amor.

    Afinal, onde há verdade, há amor e honestidade. E com isso cria-se plenitude.

    Preenchido com o sentimento de plenitude você pode dar cooperação e quando você é cooperativa, recebe cooperação de todos.

    Só de já estar postando este sentimento e com sentimentos, já faz de você uma pessoa especial.

    Mr. Miagui

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como já disse, suas palavras são muito sábias. Vc tem o dom de lidar com o ser humano. Desde que comecei a escrever, sempre tive em mente que independente do que esteja acontecendo em minha vida, vou sempre dizer a verdade. Algumas pessoas não entendem, já fui muito criticada por ter reatado com ele e agora por ter "terminado". Mais jamais terei vergonha de vir até aqui e expor meus sentimentos, contar a verdade. Até porque, existem muito mais pessoas como vc que passam essa força e carinho, do que aquelas que não sabem o que é amar e viver ao lado de um DQ.

      Obrigada pelo carinho sempre.

      Bjos, Selena!!!

      Excluir
  2. Serenidade e paz para vc querida.
    Que Deus passe um bálsamo consolador em seu coração e que que tudo se resolva da melhor forma para todos.
    Se precisar é só chamar.
    Tamjuntas ok?
    BJs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada minha querida.
      Não vou dizer que está sendo fácil, mais sei que nesse momento é a melhor coisa. O dificil é ficar vendo ele todos os dias, rs... Mais Deus sabe o que faz neh.

      TamuJuntas Sempre!!!

      Bjos, Selena!!!

      Excluir
  3. Ai Selena , você contando isso .. fez eu me ver em algumas partes dessa conversaa .. :/
    é facil a gente querer o melhor pra nós mesmo né ? Como eu quero e desejo o melhor pra mim .. pra quem ta comigo .. e a gente não aceita não receber tudo isso de volta não é ? isso dói !
    Se você quiser terminar , termine .. se sentir vontade no seu coração de voltar novamente , VOLTE !
    Só você sabe o que vc sente , ninguém mais .. beeijos e fica com Deus , tamo juntas !

    ResponderExcluir
  4. Querida...acredite isso tb passa...olhe pra frente...quando seu pensamento teimar em fazer vc virar o pescoço do passado..lembre-se quem comanda seus pensamentos? VC mesma..isso me ajudou muito a enfrentar a minha separação...sempre que eu me pego olhando pra trás...e percebo um sentimento de tristeza...meu cérebro aprendeu a apertar o STOP e mudar o filme...sempre que lembro de coisas boas ou ruins do passado...eu aperto o botãozinho..rs...e projeto minha visão pro futuro e começo a trabalhar no presente pra concretizar meus sonhos..meus projetos...

    Um enorme abraço...e fica com Deus

    ResponderExcluir